E se as princesas da Disney se vestissem como Lady Gaga?

É isso o que aconteceria se a Haus of Gaga fosse responsável pelo departamento de figurino da Disney. Achei essa ilustração, feita pelo Leonardo Barros, sendo compartilhada no Facebook e adorei! Todas as roupas vestidas pelas princesas já foram usadas por Lady Gaga

Anúncios

Visual de Sacha Baron Cohen é inspirado em ditador da vida real

Qualquer semelhança não é mera coincidência

Estreia nesta sexta-feira (24) o novo longa de Sacha Baron Cohen, conhecido por “Borat” (2006), “Bruno” (2009) e também pelo personagem Ali G. Agora, o ator e comediante se passa pelo ditador Aladeen, um tirano que fará de tudo para que a democracia nunca chegue a Wadiya, país que está sob seu comando.

Em recente entrevista para o jornal Folha de S. Paulo, Cohen diz que o personagem é inspirado em Muammar al-Gaddafi, ex-ditador da Líbia, morto em outubro de 2011. Para o jornal, o criador de Borat disse:

“Terminamos o roteiro antes da Primavera Árabe e, de repente, tudo começou a mudar. Até me ligaram para perguntar se Gaddafi havia lido o roteiro. Quando escrevemos o filme, ele era um sujeito perigoso. Então, fizemos um comunicado dizendo que ‘O Ditador’ era inspirado em Saddam. Não queria acordar com uma bomba na porta (risos). Fiquei aliviado quando Gaddafi foi assassinado.”

Para encarnar esse personagem inspirado em Gaddafi, Sacha Baron Cohen contou com um figurino e tanto criado por Jeffrey Kurland (“A Origem”). Os looks do ator são extravagantes e cheios de exageros, exatamente do jeito que Gaddafi gostava de se apresentar. Claro que o óculos escuro também não poderia ficar de fora.

Roupas extravagantes marcaram o guarda-roupa de Gaddafi

“O Ditador”
Ano: 2012
Direção: Larry Charles
Figurino: Jeffrey Kurland

Revista francesa cria editorial com looks marcantes das telonas

Editorial mostra como se vestir como Marty McFly e outros personagens

A revista francesa “Sport & Style” fez um editorial com looks marcantes de filmes e criou algumas combinações para quem deseja se vestir como Marty McFly, de “De Volta para o Futuro”, a dupla de “Os Irmãos Caras de Pau” ou como Tom Hanks em “Forrest Gump”, entre outros. Veja todas as fotos no site da “Sport & Style”. O resultado ficou bem legal!

Acompanhe a evolução do uniforme da Mulher-Gato

Nesta sexta (27), estreia “Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge”, esperada última parte da trilogia criada pelo diretor Christopher Nolan. No longa-metragem, a ambígua Mulher-Gato reaparece e, desta vez, interpretada por Anne Hathaway. No entanto, nas telonas, a personagem já foi vivida por outras beldades, como Lee Meriwether, Michelle Pfeiffer e Halle Berry. Abaixo, veja a evolução da emblemática personagem dos quadrinhos no cinema e vote na sua Mulher-Gato preferida.

1966: Lee Meriwether vive a Mulher-Gato no longa “Batman: o Homem Morcego”

1992: Michelle Pfeiffer em “Batman – O Retorno”, longa de Tim Burton

2004: Halle Berry dá vida à personagem no filme “Mulher-Gato”

2012: é a vez de Anne Hathaway interpretar a Mulher-Gato em “Batman: o Cavaleiro das Trevas Ressurge”

 

 

Acompanhe a evolução do uniforme do Homem-Aranha nas telonas

Comparações entre Tobey Maguire e Andrew Garfield são inevitáveis e as diferenças também são visíveis no uniforme do herói Homem-Aranha. Veja, abaixo, as principais alterações da peça

O uniforme do Homem-Aranha de Tobey Maguire foi customizado por James Acheson (“O Homem da Máscara de Ferro”). As cores da roupa são mais vivas, assim como os detalhes –teias e símbolo– possuem linhas mais grossas e prateadas

Uniforme do novo Homem-Aranha, interpretado por Garfield. A peça assinada pela designer de roupas Kym Barrett, figurinista da trilogia “Matrix”, é mais “emborrachada” e moderna . As linhas das teias da roupa são mais sutis escuras. A aranha estampada no peito também é mais discreta, apesar de ser mais alongada. O tom azul e vermelho da roupa ainda é mais sóbrio

Maria Antonieta – O Retorno

Karl Lagerfeld cria Maria Antonieta ready to wear para a coleção cruise da Chanel

Depois de seis anos do lançamento de “Maria Antonieta”, filme de Sofia Coppola que deu o que falar por causa do figurino, a rainha mais famosa da França volta a comandar a moda. Nesta segunda-feira (14), Karl Lagerfeld organizou um desfile no palácio de Versalhes, na França, onde exibiu a coleção cruise da Chanel e mostrou que a realeza também pode ser ready to wear -nos padrões da grife, claro.

Além do desfile, um novo filme sobre Maria Antonieta estreou em fevereiro deste ano, no Festival de Berlim. Com direção do francês Benoît Jacquot e figurino de Christian Gasc e Valérie Ranchoux, “Le Adieux à la Reine” não tem a pegada pop nem as loucurinhas fashion de Sofia Coppola. Estrelado por Diane Kruger, o filme explora a possível relação homossexual que Maria Antonieta teve com uma de suas acompanhantes, durante seus últimos dias de vida. Veja algumas fotos:

Diane Kruger é quem vive Maria Antonieta nesta nova versão cinematográfica da rainha

Dirigido por Benoît Jacquot, o filme tem figurino assinado por Christian Gasc e Valérie Ranchoux

A beleza de “Le Adieux à la Reine” ficou por conta de Jean-Christophe Roger

O filme explora a possível relação homossexual que Maria Antonieta teve nos últimos dias de vida

E aí, se animou para se vestir como uma rainha?

Veja mais fotos do desfile no site da Chanel.

“Le Adieux à la Reine”
Ano: 2012
Direção: Benoît Jacquot
Figurino: Christian Gasc e Valérie Ranchoux

Julia Roberts se machuca em set ao gravar com vestido de 27 quilos

Vestido de quase 30 quilos foi feito pela figurinista Eiko Ishioka

Às vezes, a caracterização de um personagem pode ser dolorosa para os atores. Em entrevista para o talk show de Ellen DeGeneres, Julia Roberts revelou que, durante a gravação de “Espelho, Espelho Meu”, filme previsto para chegar aos cinemas brasileiros no começo de abril, ela distendeu um músculo da perna ao usar um vestido de 27 quilos.

“Eu distendi um músculo da coxa enquanto tentava castigar o personagem de Nathan [Lane], porque tive de me virar muito rápido”, revelou a atriz, em entrevista para o programa que foi ao ar na sexta (23).

A responsável pelo vestido de quase 30 quilos é a figurinista Eiko Ishioka, que já criou roupas para filmes como “Drácula de Bram Stoker” (1992) e “A Cela” (2000).

Julia Roberts interpreta a Rainha Má em filme de Tarsem Singh

“Espelho, Espelho Meu”
Ano: 2012
Direção: Tarsem Singh
Figurino: Eiko Ishioka